PREVALÊNCIA DE HIPOVITAMINOSE D EM PESSOAS ATENDIDAS EM UM LABORATÓRIO DE CAÇADOR/SC

Palôma Fávero, Vilmair Zancanaro

Resumo


A designação Vitamina D representa tanto a Vitamina D2(ergocalciferol), como a Vitamina D3(colecalciferol). Após a síntese cutânea, a Vitamina D entra na circulação e é transportada para o fígado unida asua proteína ligante. No fígado, ocorre a primeira hidroxilação para a 25(OH)D, que será secretada no plasma. Para se tornar ativa, a 25(OH)D é metabolizada pela enzima 25-hidroxivitamina D 1α-hidroxilase (CYP27B1) nos rins, formando 1,25(OH)2D3. A deficiência prolongada de Vitamina D provoca raquitismo e osteomalacia e, em adultos, quando associada à osteoporose, leva a um risco aumentado de fraturas. O objetivo dessetrabalho foi verificar a incidência de hipovitaminose D em pacientes atendidos em um laboratório clínico de Caçador/SC.A metodologia utilizada foi baseada em revisão bibliográfica e de pesquisa. Para a obtenção dos dados solicitou-se ao laboratório clínico uma lista dos pacientes que realizaram a dosagem sérica da Vitamina D durante o período de um ano.Foram avaliados 284 resultados, dentre os quais 226 pacientes são do sexo feminino e 58 do sexo masculino, com idades entre 0 a 91. A média das dosagens de Vitamina D nos pacientes de até 30 anos foi de 27,53ng/ml, pacientes de 31 a 50 anos foi de 26,1ng/ml e com idade acima de 51 anos a média foi de 30,6ng/ml.Os resultados apresentados pelos pacientessão considerados normais, acima de 20ng/ml. Porém é necessária uma avaliação individual de cada paciente como, por exemplo, o estilo de vida e hábitos alimentares. Como existem poucos estudos sobre o assunto sugerimos novas pesquisas relacionando à vitamina D com sexo e idade.

Palavras-chave: Vitamina D. Hipovitaminose D. 25(OH)D.

 

Abstract: The term Vitamin D means either Vitamin D2 (ergocalciferol) andVitamin D3 (cholecalciferol). After the cutaneous synthesis, Vitamin D enters the circulation and is transported to the united to Vitamin D binding protein (DBP) liver. In the liver is the first hydroxylation to 25(OH)D, which is secreted in plasma. To become active, 25(OH)D is metabolized by the enzyme 25-hydroxyvitamin D-1α-hydroxylase (CYP27B1) in the kidney to form 1,25(OH)2D3. Prolonged deficiency of Vitamin D causes rickets and osteomalacia and in adults when associated with osteoporosis, leads to an increased risk of fractures. The aim of this study was to determine the incidence of hypovitaminosis D in patients enrolled in a clinical laboratory Caçador/SC. The methodology was based on literature and research review. To obtain the data was requested from the clinical laboratory a list of patients who had serum levels of Vitamin D during the period of one year. 284 results where 226 patients were female and 58 male, aged 0 to 91 were evaluated. The mean dose of Vitamin D in patients up to 30 years was 27,53ng / ml, patients between31 and 50 years was 26,1ng / ml and above the age of 51 years the average was 30,6ng / ml. The results presented by patients are considered normal, above 20 ng / ml. However an individual evaluation of each patient, for example, lifestyle and eating habits is required. As there are few studies on the subject suggest new research linking vitamin D with age and sex.

Keywords: Vitamin D. Hypovitaminosis D. 25(OH)D.


Texto completo:

PDF


ISSN: 2317-9791

--------------------------------------------------------------------

Universidade Alto Vale do Rio do Peixe (UNIARP)- Rua Victor Baptista Adami, 800- Centro

CEP: 89500-000 - Cx. Postal 232 - Fone: (49) 3561-6200
Copyright © 2010 UNIARP. Todos os direitos reservados.