PROCESSO DE CLIMA ORGANIZACIONAL DE UMA INDÚSTRIA DE CONFECÇÕES DE SANTA CATARINA X MODELO DE CLIMA GREAT PLACE TO WORK

Geneia Lucas dos Santos, Raquel Prá, Jhony Pereira Moraes, Jonathas Felipe Ferreira Da Silva Eloi

Resumo


O clima organizacional se reflete na satisfação das pessoas com o trabalho, no desempenho de suas tarefas e no comprometimento com as metas e objetivos organizacionais. Nesse sentido, medir o clima organizacional por meio de uma ferramenta bem elaboradora permite a empresa conhecer melhor seu ambiente interno e planejar ações para melhora-lo, o que irá se refletir na saúde e bem-estar dos colaboradores e resultados organizacionais. O presente estudo tem como objetivo identificar o processo de investigação do clima organizacional de uma empresa do ramo de confecções localizada no oeste catarinense, comparando-o com o modelo utilizado pela consultoria Great Place To Work – que identifica as empresas que fornecem melhores condições de trabalho para seus colaboradores. Trata-se de uma pesquisa qualitativa do tipo descritiva e documental. Os dados foram analisados conforme as etapas propostas por Cresswell (2007). A partir da análise comparativa, detectou-se a necessidade de realizar algumas adequações no instrumento.

Palavras-Chave: Clima Organizacional. Pesquisa de Clima Organizacional. Great Place to Work.

 

PROCESS OF ORGANIZATIONAL CLIMATE OF AN INDUSTRY OF MAKINGS OF SANTA CATARINA X MODELS OF CLIMATE GREAT PLACE TO WORK

Abstract: The organizational climate is reflected in people's satisfaction with work, in the performance of their tasks and in commitment to organizational goals and objectives. In this sense, measuring the organizational climate through a well-developed tool allows the company to better understand its internal environment and plan actions to improve it, which will be reflected in the health and well-being of employees and organizational results. The present study aims to identify the process of investigation of the organizational climate of a garment company located in the west of Santa Catarina, comparing it with the model used by The Great Place To Work consulting - which identifies companies that provide better working conditions for its collaborators. It is a qualitative research, descriptive and documentary type. The data was analyzed according to the steps proposed by Cresswell (2007). From the comparative analysis, it was detected the need to make some adjustments in the instrument.

Keywords: Organizational Climate. Organizacional Climate Survey. Great place to work.


Palavras-chave


Clima Organizacional; Pesquisa de Clima Organizacional; Great Place to Work.

Texto completo:

PDF

Referências


BARROS, A. J. S.; LEHFELD, N. A. S. (2000) Fundamentos de Metodologia Científica: Um guia para iniciação científica. 2. ed. São Paulo: Makron Books.

BISPO, C. A. F. (2006). Um novo modelo de pesquisa de clima organizacional. Production, 16(2), 258-273.

CODA, R. (1993) Estudo sobre clima organizacional traz contribuição para aperfeiçoamento de pesquisa na área de RH. Boletim Administração em Pauta, suplemento da Revista de Administração, São Paulo. IA-USP, n. 75.

CRESSWELL, J. H. (2007) Projeto de Pesquisa: Métodos qualitativo, quantitativo e misto. 2 ed. Porto Alegre: Artmed.

GPTW, Great Place to Work. (2016) Como tudo começou. Disponível em: . Acesso em: 18 nov. 2016.

LUZ, R. (2003) Gestão do Clima Organizacional. Rio de Janeiro: Qualitymark Editora.

MENEZES, I. G; GOMES, A. C. P. (2010). Clima organizacional: uma revisão histórica do construto. Psicologia em Revista, 16(1), 158-179.

MINAYO, M.C. S (Org.). (1993) Pesquisa social: teoria, método e criatividade. Petrópolis: Vozes.

MINICUCCI, A. (2007) Psicologia Aplicada à Administração. 5. ed. São Paulo: Editora Atlas.

MONTANA, Patrick J. CHARNOV, Bruce H. (2000) Administração. 4.ed. São Paulo: Editora Saraiva.

PUENTE-PALACIOS, K. E.; FREITAS, I. A. (2006). Clima organizacional: uma análise de sua definição e de seus componentes. Organizações e Sociedade, 13(38), 45-57.

SCHNEIDER, B; EHRHART, M. G; MACEY, W. H. (2011) Organizational climate research: achievements and the road ahead. In: ASHKANASY, N.M; WILDEROM, C. P. M; PETERSON, M. F. The handbook of organizational culture and climate. 2 ed. USA: Sage.

TACHIZAWA, Takeshy; FERREIRA, Victor Cláudio Paradela; FORTUNA, Antônio Alfredo Mello. (2001) Gestão com Pessoas: Uma abordagem aplicada às estratégias de negócios. 2. ed. Rio de Janeiro; Editora FGV.

TOLFO, S. R.; PICCININI, V. C. (2001). As melhores empresas para trabalhar no Brasil e a qualidade de vida no trabalho: disjunções entre a teoria e a prática. RAC, 5(1), p. 165-193.




DOI: http://dx.doi.org/10.33362/visao.v8i1.1730

Licença Creative Commons

Este obra está licenciado com uma Licença  Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional

 

ISSN: 2238-9636

-------------------------------------------------------------

Universidade Alto Vale do Rio do Peixe (UNIARP)- Rua Victor Baptista Adami, 800- Centro
CEP: 89500-000 - Cx. Postal 232 - Fone: (49) 3561-6200 E-mail: uniarp@uniarp.edu.br