RELATO DE EXPERIÊNCIA DIANTE DO USO DA METODOLOGIA DE PROBLEMATIZAÇÃO DO ARCO DE MAGUIREZ

PROBLEMAS FRENTE AO ESPAÇO ESCOLAR, A DOCÊNCIA E A GESTÃO ESCOLAR

Autores

DOI:

https://doi.org/10.33362/ext.v11i1.3281

Palavras-chave:

Arco de Maguirez, Problematização, Problema

Resumo

Este trabalho é um relato de experiência sobre a aplicação de um projeto de intervenção realizado mediante a metodologia da problematização do arco de Maguerez. O intuito foi desenvolver habilidades para realizar um projeto e também para modificar os problemas práticos encontrados na escola investigada. O objetivo deste estudo é tentar elucidar os desafios encontrados pelos pesquisadores mediante a observação da realidade por meio do arco de Maguerez. Quanto a metodologia, classificamos o estudo em sua abordagem como qualitativo, de objetivo exploratório, de natureza aplicada por meio de uma pesquisa de campo. O relato de experiência foi a técnica utilizadas para descrever o acontecido. Após a observação, consideramos três aspectos importantes a serem aprimoradas na escola, são elas: espaços ou ambientes, corpo docente e gestão escolar. Sobre elas, podemos destacar, A falta de comunicação entre professor-professor e professor-secretaria; A falta de exposição de trabalhos, paredes muito brancas e apáticas, sem troca de informações e atividades entre as salas e, para com os outros sujeitos  da escola; Pouca área verde na escola, com 4 árvores ao todos e canteiros nas áreas abertas, mas sem nenhum espaço que contribua com lições mais intensas com meio ambiente e possam servir como lugar de relaxamento de estudantes e professores; A direção escolar não entra em contato com os estudantes, somente em situações conflitantes. Por fim, espera-se que a comunidade escolar possa refletir sobre a ação e modificar (se possível) a realidade para melhor.

Biografia do Autor

Flávia Bastos Stringari, UNISOCIESC

Mestra em Educação pela Universidade Regional de Blumenau. UNISOCIESC. flavinha_sc1@hotmail.com.

Daniela Gonçalves Adriano, FURB

Mestra em Educação pela Universidade Regional de Blumenau. FURB. https://orcid.org/0000-0001-5760-9480. daniluizadriano@gmail.com.

Natalia Bagattoli Pedron, FURB

Mestra em Educação pela Universidade Regional de Blumenau. FURB. profnataliapedron@gmail.com.

Referências

CARITA, Ana; FERNANDES, Graça. Indisciplina na sala de aula: como prevenir? Como remediar? v. 5, Editora Presença, Viseu, 1997.

DUSSEL, Inés; CARUSO, Marcelo. A invenção da sala de aula: uma genealogia das formas de ensinar. São Paulo: Moderna, 2003. 255p.

FILHO, Luciano Mendes de Faria; VIDAL, Diana Gonçalvez. Os tempos e os espaços escolares no processo de institucionalização da escola primária no Brasil. Revista Brasileira de Educação, Coralina (GO), 1985.

FREIRE, Paulo. Pedagogia do oprimido. 11 ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1987.

FOUCAULT, Michel. De espaços outros. Estudos avançados, v. 27, n. 79, 2013.

FOUCAULT, Michel. Vigiar e punir: nascimento da prisão. Editora Vozes, Petrópolis, 1987.

GIDDENS, Anthony. A constituição da sociedade. São Paulo: Martins Fontes, 2003.

MORAN, José Manuel. Como utilizar a Internet na educação. Ciência da Informação, v. 26, n. 2, mai. 1997. Disponível em: <https://www.scielo.br/j/ci/a/PxZcVBPnZNxv7FVcHfgMNBg/#>. Acesso em: 30 de

out. 2023.

NÓVOA, Antônio. Professor se forma na Escola. Nova Escola on-line, n. 142, mai., 2001.

OLIVEIRA, Wilandia Mendes de. UMA ABORDAGEM SOBRE O PAPEL DO PROFESSOR NO PROCESSO ENSINO/APRENDIZAGEM. Revista INESUL, 2009.

OLIVEIRA, Ivana Campos; VASQUES-MENEZES, Ione. Revisão de Literatura: o conceito de gestão escolar. Cadernos de pesquisas: São Paulo - SP, v.48, n. 169, p. 876-900 jul./set. 2018.

RIBEIRO, Solange Lucas. Espaço escolar um elemento (in)visível no currículo. Sitientibus, Feira de Santana, n. 31, p. 103-118, jul./dez. 2004. Disponível em: <http://www2.uefs.br/sitientibus/pdf/31/espaco_escolar.pdf>. Acesso em: 30 out. 2023.

SCHMITZ, Lenir Luft. Paradigmas do conhecimento: os percursos e descaminhos da

educação ao longo da história. Revista Divisa, Fai Faculdade de Itapiranga. n. 4, v. 3, p. 77-82. jul./dez, 2006.

SCHOLOCHUSKI, Virginia do Carmo Pabst. Discutindo a hora-atividade dos professores através de um breve levantamento bibliográfico. In: Anais do Educere - XIII Congresso Nacional da Educação, 2017.

SCHLICKMANN, Luciane; SCHMITZ, Lenir Luft. DA ESCOLA TRADICIONAL Á ESCOLA CONTEMPORÂNEA: ALGUMAS CONSIDERAÇÕS SOBRE A CONSTITUIÇÃO DO ESPAÇO ESCOLAR. Trabalho de conclusão de curso apresentado a FAI Faculdades para obtenção do título de pedagoga. 2023.

VIÑAO Frago, A. Historia de la educación e historia cultural: posibilidades, problemas, cuestiones. Revista Brasileira de Educação, p. 63-82, 1995.

Downloads

Publicado

2023-11-14

Como Citar

BAUMGÄRTNER, L.; STRINGARI, F. B.; ADRIANO, D. G.; PEDRON, N. B. RELATO DE EXPERIÊNCIA DIANTE DO USO DA METODOLOGIA DE PROBLEMATIZAÇÃO DO ARCO DE MAGUIREZ: PROBLEMAS FRENTE AO ESPAÇO ESCOLAR, A DOCÊNCIA E A GESTÃO ESCOLAR. Extensão em Foco (ISSN: 2317-9791), [S. l.], v. 11, n. 1, p. 113–130, 2023. DOI: 10.33362/ext.v11i1.3281. Disponível em: https://periodicos.uniarp.edu.br/index.php/extensao/article/view/3281. Acesso em: 13 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos