NOVAS MOBILIDADES: O PANORAMA ATUAL DAS MIGRAÇÕES CONTEMPORÂNEAS E OS DIREITOS HUMANOS

Autores

  • Josely Cristiane Rosa Centro Universitário de Brusque - UNIFEBE Fundação Universidade Regional de Blumenau - FURB
  • Marcos Antonio Mattedi Fundação Universidade Regional de Blumenau - FURB

DOI:

https://doi.org/10.33362/juridico.v9i1.2199

Palavras-chave:

Migrações. Paradigma das Novas Mobilidades. Ser Migrante.

Resumo

Esta pesquisa tem como objetivo apresentar o panorama atual das migrações contemporâneas à luz do Paradigma das Novas Mobilidades, evidenciando as situações de vulnerabilidade vivenciadas pela população migrante. Compreende-se que as migrações recentes, pautadas no Novo Paradigma das Mobilidades, são aceleradas pela interconexão e a interdependência de pessoas, objetos e ideias. É nesse cenário que se insere o sujeito migrante tanto condicionado quanto protagonista de condições estruturais, econômicas, sociais, políticas, culturais e ambientais. Considerou-se que, a mobilidade expandiu seus sentidos e significados e adentrou as discussões sobre incorporação, emoções e sentimentos, afetos, gênero, política, ritmo, quietude, encontro, redes, escala, lugar, biopolítica, exclusão e ética (MERRIMAN, 2012). As várias dimensões envolvidas e sua complexidade retiraram esse fenômeno da condição de simples reflexo da produção material da sociedade e o colocaram como um fenômeno específico, que possui suas próprias variáveis e condições de produção e construção de significados. Tais significados desencadeiam uma análise da correlação entre mobilidade e migração, situando os fluxos migratórios atuais a nível mundial.

Biografia do Autor

Josely Cristiane Rosa, Centro Universitário de Brusque - UNIFEBE Fundação Universidade Regional de Blumenau - FURB

Doutoranda em Desenvolvimento Regional - FURB (2019). Mestrado em Gestão de Políticas Públicas pela Universidade do Vale do Itajaí (2007); Graduação em Ciência Política pela Universidade do Vale do Itajaí (2005); Especialização em Recursos Humanos pela Universitas Lucius Annaeus Seneca ? Unilas/FAPAG(2012); Especialização em Marketing Empresarial pela Universitas Lucius Annaeus Seneca ? Unilas/FAPAG (2012); Especialização em Psicologia e Psicopedagogia pela Universitas Lucius Annaeus Seneca ? Unilas/FAPAG (2013). Na área acadêmica é docente de cursos de graduação e pós-graduação, atuando nas áreas de Administração, Direito, Gestão Comercial e Processos Gerenciais, com ênfase nas disciplinas de Gestão de Pessoas, Sociologia, Ciência Política, Administração Pública, Cultura e Diversidade, Negociação, Sociologia Jurídica, Inteligência Emocional e Dinâmica de Grupo. Exerce a coordenação do curso de Pós-Graduação MBA em Gestão de Pessoas e Coaching e MBA em Coaching e Consultoria Executiva: Ênfase em Pessoas&Negócios. Na área profissional realiza treinamento/consultoria empresarial na área de liderança e gestão de pessoas. É Membro do Grupo de Pesquisa Núcleo de Estudos da Tecnociência - FURB (CNPQ).

Marcos Antonio Mattedi, Fundação Universidade Regional de Blumenau - FURB

Possui graduação em Ciências Sociais pela Universidade Regional de Blumenau (1991), mestrado em Sociologia Política pela Universidade Federal de Santa Catarina (1994),e doutorado em Ciências Sociais pela Universidade Estadual de Campinas (1999) e estágio pós-doutoral no Centre de Sociologie de L´innovation - ENMP/Paris (2003). Dirige o Grupo de Pesquisa Núcleo de Estudos da Tecnociência - NET desde 2006 e atualmente é coordenador e professor titular do Programa de Pós Graduação em desenvolvimento Regional da Fundação Universidade Regional de Blumenau. Tem experiência na área de Sociologia, com ênfase em sociologia do conhecimento científico, atuando principalmente nos seguintes temas: ciência e tecnologia, desenvolvimento regional, sociologia, impactos ambientais, desastres, meio ambiente e percepção ambiental. Atualmente tem pesquisado os processos de formação e dissolução de redes sociotécnicas. 

Downloads

Publicado

2020-07-09