A POBREZA A PARTIR DA PERSPECTIVA NEOLIBERAL E A REALIDADE DA COVID-19

POVERTY ON THE NEOLIBERAL PERSPECTIVE AND THE COVID-19 REALITY

Autores

DOI:

https://doi.org/10.33362/visao.v10i1.2679

Palavras-chave:

Pobreza. Neoliberalismo. Covid-19.

Resumo

A realidade da pandemia de COVID-19 impactou de maneiras diversas vários países. No Brasil, a suposta dicotomia saúde-economia pautou decisões dos governos, que não obtiveram sucesso em conter casos do novo coronavírus, tampouco em garantir os menores impactos econômicos possíveis. A desigualdade que assola historicamente o país é acompanhada de discursos que se propõem a interpretar a realidade. No âmbito do discurso neoliberal, a partir de conceitos como os de meritocracia e de responsabilidade individual, os indivíduos se identificam como os únicos responsáveis por seu sucesso ou fracasso. A pobreza, neste sentido, consistiria em um aglomerado de fracassos individuais que coincidem numa mesma condição socioeconômica.            O objetivo deste trabalho de pesquisa concentra-se no questionamento desta concepção à luz da realidade da COVID-19. Busca-se demonstrar de que modo é construído o discurso neoliberal acerca da pobreza e indagar se este discurso pode ser questionado. O trabalho aponta para o fato de a resposta do governo brasileiro à crise epidêmica ter sido marcada por uma racionalidade neoliberal que aplicou o discurso da individualização e privatização às políticas de saúde pública.

Palavras-Chave: Pobreza. Neoliberalismo. Covid-19.

 

Abstract: The COVID-19 reality impacted on many countries in different ways. In Brazil, the supposed dichotomy health vs. economy guided the present govern in its decisions, which did not manage to contain the COVID-19 cases, not to minimize their economic impacts. The inequality that historically haunts the country is reinforced by discourses that aim to justify social reality. Following the neoliberal discourse, which use concepts like meritocracy and individual responsibility, individuals should see themself as the only responsible for their success or failure. In this perspective, poverty result by an set of individuals failures that lead to the same socioeconomic condition. The objective of this paper is to question of this conception in light of the COVID-19 reality. It aims to show how the neoliberal discourse on poverty is constituted and to question it. It points to the fact that the Brazilian government’s answer to the epidemic crise has been marked by a neoliberal rationality that applies individualization and privatization discourses to public health policies.

Keywords: Poverty. Neoliberalism. Covid-19.

Biografia do Autor

Sandra Eloisa Pisa Bazzanella, Universidade Federal de Santa Catarina

Estudante de Filosofia – Universidade Federal de Santa Catarina.

Alessandro Pinzani, Universidade Federal de Santa Catarina

Professor de Ética e Filosofia Política – Universidade Federal de Santa Catarina.

Referências

APOROFOBIA. Real Academia Espanhola. Disponível em <https://dle.rae.es/aporofobia> Acesso em 29 de julho de 2021.

Bolsonaro volta atrás e perdoa dívida de R$ 1,4 bilhão de igrejas. Estado de Minas. 18 de mar. de 2021. Disponível em <https://www.em.com.br/app/noticia/politica/2021/03/18/interna_politica,1248010/bolsonaro-volta-atras-e-perdoa-divida-de-r-1-4-bilhao-de-igrejas.shtml> Acesso em 09 de agosto de 2021.

CENPEC; UNICEF. Cenário da Educação Escolar no Brasil – Um alerta sobre os impactos da pandemia da COVID-19 na Educação. Abril, 2021.

DARDOT, Pierre. LAVAL. Christian. A nova razão do mundo: ensaio sobre a sociedade neoliberal. Tradução: Mariana Echalar. 1⁰ edição. São Paulo: Boitempo, 2016.

FERGUSON, James. The uses of Neoliberalism. Antipode. Vol 41, N S1 2009. p. 166 – 184.

FOUCAULT, Michel. Nascimento da Biopolítica. Tradução: Eduardo Brandão. 1⁰ edição. São Paulo: Martins Fontes, 2008.

Desemprego. IBGE, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Disponível em < https://www.ibge.gov.br/explica/desemprego.php> Acesso em 03 de agosto de 2021.

LUIZ, Felipe. Governo e Mercado: Foucault e a Emergência do Neoliberalismo Alemão. Humanidades em diálogo. Vol IV, N II. p. 155 – 170.

MIROWSKI, Philip; PLEHWE, Dieter (eds.). The Road from Mount Pèlerin. The Making of the Neoliberal Thought Collective. Cambridge (MA): Harvard University Press, 2009.

PINZANI, Alessandro. “Vai trabalhar, vagabundo”: retórica antipobre e aspectos normativos de uma teoria da pobreza. In: SILVA, Helio Alexandre da (org.). Sob os olhos da crítica: reflexões sobre democracia, capitalismo e movimentos sociais. Macapá: UNIFAP, 2017. p. 348 – 388.

PL948/2021. Câmara dos Deputados. Disponível em <https://www.camara.leg.br/proposicoesWeb/fichadetramitacao?idProposicao=2274204 > Acesso em 28 de julho de 2021.

POZZEBOM, Eliana Rodrigues. Aprovado pelo Congresso, auxílio emergencial deu dignidade a cidadãos durante a pandemia. Senado Notícias, 2020. Disponível em < https://www12.senado.leg.br/noticias/materias/2020/12/30/aprovado-pelo-congresso-auxilio-emergencial-deu-dignidade-a-cidadaos-durante-a-pandemia>. Acesso em 15 de junho de 2021.

STEDMAN JONES, Daniel. Masters of the Universe. Hayek, Friedman, and the Birth of Neoliberal Politics. Princeton: Princeton University Press, 2012.

TOMAZELLI, Idiana. Dívida de igrejas com Imposto de Renda e INSS chegam a R$ 1,9 bilhão. CNN Brasil, 05 abr 2021. Disponível em < https://www.cnnbrasil.com.br/business/2021/04/05/dividas-de-igrejas-com-inss-e-imposto-de-renda-ja-chegam-a-r-1-9-bilhao> Acesso em 28 de julho de 2021.

TORRACA, Lia Beatriz Teixeira. Resenha do livro Aporofobia, el rechazo al pobre, de Adela Cortina. Revista da Associação dos Antigos Alunos de Direito da Universidade Federal do Rio de Janeiro, vol. 1, n⁰ 1, 2020, jan./jul., p. 92.

UGÁ. Vivian Domínguez. A questão social como “pobreza”: crítica à conceituação neoliberal. 1⁰ edição. Curitiba: Appris, 2011.

VIDALE. Giulia. Os países que liberaram a compra de vacinas pela iniciativa privada. Veja, 10 abr 2021. Disponível em <https://veja.abril.com.br/saude/os-paises-que-liberaram-a-compra-de-vacinas-pela-iniciativa-privada/> Acesso em 28 de julho de 2021.

Downloads

Publicado

2021-11-18

Como Citar

PISA BAZZANELLA, S. E.; PINZANI, A. . A POBREZA A PARTIR DA PERSPECTIVA NEOLIBERAL E A REALIDADE DA COVID-19: POVERTY ON THE NEOLIBERAL PERSPECTIVE AND THE COVID-19 REALITY. Revista Visão: Gestão Organizacional, Caçador (SC), Brasil, v. 10, n. 1, p. 189-202, 2021. DOI: 10.33362/visao.v10i1.2679. Disponível em: https://periodicos.uniarp.edu.br/index.php/visao/article/view/2679. Acesso em: 6 dez. 2021.

Edição

Seção

I Seminário Nacional Interdisciplinar sobre Desenvolvimento e Sociedade